João 20:24-29

“Ora, Tomé, um dos doze, chamado Dídimo, não estava com eles quando veio Jesus. Disseram-lhe, pois, os outros discípulos: Vimos o Senhor. Mas ele disse-lhes: Se eu não vir o sinal dos cravos em suas mãos, e não puser o dedo no lugar dos cravos, e não puser a minha mão no seu lado, de maneira nenhuma o crerei. E oito dias depois estavam outra vez os seus discípulos dentro, e com eles Tomé. Chegou Jesus, estando as portas fechadas, e apresentou-se no meio, e disse: Paz seja convosco. Depois disse a Tomé: Põe aqui o teu dedo, e vê as minhas mãos; e chega a tua mão, e põe-na no meu lado; e não sejas incrédulo, mas crente. E Tomé respondeu, e disse-lhe: Senhor meu, e Deus meu! Disse-lhe Jesus: Porque me viste, Tomé, creste; bem-aventurados os que não viram e creram.”

A revelação que Tomé teve ao tocar as feridas de Jesus é uma das mais surpreendentes de toda a Bíblia. Ele não apenas reconheceu o senhorio de Jesus, mas a sua própria divindade. Temos que lembrar que Tomé conviveu com Jesus por mais de 3 anos, e mesmo assim só teve essa revelação após a ressurreição. Até aquele momento ele tinha experimentado o Jesus homem, que chorava, tinha fome e estava sujeito aos caprichos das autoridades. Agora ele via um Jesus Deus, ressurreto, poderoso, que venceu todos os obstáculos, inclusive a morte.

Por mais que tentemos, não conseguiremos imaginar o espanto produzido na vida de Tomé por vivenciar o poder da ressurreição. O impacto dessa experiência mudou todo o rumo, não só de sua vida, como a de todos os discípulos. Eles passaram a ser testemunhas vivas desse poder e da esperança que podemos ter ao sermos participantes dessa nova vida.

O desafio que vivemos hoje é ter essa mesma fé, dois mil anos depois, sem mais nenhuma testemunha daquela ocasião. A grande tentação que temos que vencer é não nos deixarmos levar pelas aparências, pelas coisas que podem ser vistas. Constantemente temos que nos vigiar para que a nossa fé não esmoreça diante das lutas diárias, dos desafios constantes e dos desânimos que nos atacam justamente nos dias em que precisamos ter mais fé.

Mas não é verdade que não temos mais testemunhas. Temos o registro das Escrituras, deixadas pelos apóstolos. Todo o Velho Testamento aponta para Jesus. E os 27 livros do Novo Testamento tem Jesus como tema principal. A leitura da Palavra aviva nossa fé. Nos alerta de eventuais desvios. Nos capacita a conhecermos mais a Jesus.

E não apenas isso. Temos também o Espírito Santo, prometido por Jesus, que nos torna sensíveis à voz de Deus e trabalha o caráter de Jesus em nós. A combinação dessas duas testemunhas, a Palavra e o Espírito, são os tutores que nos levam a Jesus, nos protegem dos enganos e fazem crescer a fé em nossos corações.

E para completar, temos a Comunhão do Corpo de Cristo. O relacionamento que mantemos com pessoas que também são tocadas e transformadas pelo Espírito Santo, e que amam a Palavra do Senhor, produz um efeito sinergético em nossa fé. Ela aumenta mais quando estamos juntos, e fraqueja quando estamos separados.

Para você pensar: Você tem alimentado sua fé pela leitura da Palavra? Você tem alimentado sua fé pelo renovar do Espírito Santo? Você tem alimentado sua fé pela Comunhão com outros irmãos?

Anúncios

Sobre Wilson Moraes

Brasileiro, casado com a Maria José, pai do Gabriel, da Jordana e da Camila. Procurando servir a Deus de maneira intensa e verdadeira. Colocando minha vida a serviço do Seu Reino.
Esse post foi publicado em João e marcado , , , , , , , . Guardar link permanente.

Uma resposta para João 20:24-29

  1. cristiana disse:

    paz seja contigo irmao wilson ,que DEUS possa te abençoar cada dia mais ,não só a vc mas todos de seu lar . SABEMOS que a caminhada em CRISTO é longa , e muitas vezes como ser humano pensamos em olhar para traz , mas tende bom animo , como JESUS venceu nós também venceremos nele , , É JESUS que nos capacita e nos dará vitoria , nunca pare de lutar ELE nosso DEUS é contigo . amém !!!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s