Salmo 32:8-9

“Instruir-te-ei, e ensinar-te-ei o caminho que deves seguir; guiar-te-ei com os meus olhos. Não sejais como o cavalo, nem como a mula, que não têm entendimento, cuja boca precisa de cabresto e freio,  ou não virão a ti.”

Fui criado pela minha avó, chamada por todos de Dona Delmira. Ela era uma pessoa simples, analfabeta, mas com uma sabedoria obtida pelo sofrimentos dos anos. Ela me criou lavando roupa para os outros. Foi ela quem me levou para igreja desde criancinha. Devo muito do que sou hoje ao exemplo de vida que ela me deu.

Me lembro claramente que quando eu “aprontava uma arte”, bastava um olhar dela para que eu me sentisse repreendido. Em um único olhar havia comunicação. Em apenas uma olhada eu sabia que eu a havia desagradado em algo. E isso para mim era mais do que suficiente, na maioria das vezes. Da mesma forma eu sabia quando ela estava alegre e satisfeita com algo, mesmo sem palavras, apenas com o olhar.

Mas se ela lançasse esse mesmo olhar para outra criança provavelmente não surtiria o mesmo efeito. Qual o motivo? Simples: Eu a conhecia. Eu convivia com ela. Ela era a minha avó. Só a intimidade pode te dar condições de interpretar o olhar de outra pessoa. Funciona assim hoje com minha esposa. Funciona assim com alguns poucos amigos mais íntimos. Alegria, preocupação, receio, tristeza. Sentimentos que para outros passariam despercebidos são rapidamente captados por quem se tem intimidade.

O versículo acima fala exatamente disto: Deus quer “nos guiar pelos olhos”. Mas isto só é possível se mantivermos um estreito e íntimo relacionamento com ele. Só desta maneira podemos cultivar a sensibilidade para sentir o olhar de Deus, e não apenas sentir, mas recebermos orientação desse olhar. Caso contrário, mesmo com o olhar de Deus, seremos ignorantes da sua vontade e direção.

Uma coisa interessante acontece com pessoas que convivem muito tempo juntas: elas começam a se comportar de modo igual, a falar de modo semelhante, se vestem do mesmo modo e, em alguns casos, começamos a perceber até mesmo uma semelhança física entre elas. Provérbios 18:24 diz que “há amigo mais chegado do que um irmão”. Pelas Escrituras percebemos que esse sempre foi o alvo de Deus para o homem: Comunhão e relacionamento íntimos, por meio dos quais Deus poderia achar um povo que, por meio dessa comunhão, estabelecesse seu Reino aqui na Terra.

Para você pensar: Você tem colocado como prioridade em sua vida a criação de uma intensa intimidade com Deus? Será que se Deus lançasse um olhar para você hoje, você saberia interpretar o seu desejo?

Anúncios

Sobre Wilson Moraes

Brasileiro, casado com a Maria José, pai do Gabriel, da Jordana e da Camila. Procurando servir a Deus de maneira intensa e verdadeira. Colocando minha vida a serviço do Seu Reino.
Esse post foi publicado em Salmos e marcado , , . Guardar link permanente.

4 respostas para Salmo 32:8-9

  1. Celso Louzada. disse:

    Está é a minha luta diária, anseio por alcançar este nível de relacionamento com DEUS e que DEUS continue me ajudando a alcançar esta intimidade com ELE.

  2. Roberta Santos disse:

    Deus me deu essa palavra do salmo 32.8 num momento em que eu pedi a Ele que me orientasse sobre um assunto muito importante,fiquei maravilhada ao ler o versículo de nº 8.

  3. Paulinho Pereira disse:

    Louvado seja o senhor! Que vos tem iluminado,orando td tempo para alcançar tal comunhão.

  4. denilson balabuch disse:

    “Instruir-te-ei, e ensinar-te-ei o caminho que deves seguir; guiar-te-ei com os meus olhos. Não sejais como o cavalo, nem como a mula, que não têm entendimento, cuja boca precisa de cabresto e freio, ou não virão a ti.” Salmo 32:8

    Versiculo que comete um erro inicial na frase visto que instruir e ensinar são sinonimos o que a frase ficaria : Te ensinarei , e te ensinarei o caminho… e logo apos na mesma frase demonstra que o Deus judaico não conhece o adestramento de animais visto que ele diz que o cavalo e a mula precisam de cabresto para vir até ti…
    Lembrando sempre que tudo o que esta escrito na biblia ou Deus mandou escrever ou Deus permitiu que fosse escrito.

    Os textos sagrados são divinamente inspirados. IITm 3,16; IIPe. 1,21
    O texto biblico é perfeito assim como Deus ?

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s